Curionópolis, município do Pará

Thumb
Curionópolis

ASPECTOS HISTÓRICOS E CULTURAIS HISTÓRICO

O Município de Curionópolis foi criado a partir do desmembramento das terras do município de Marabá. Sua origem está relacionada com uma aglomeração humana que se estabeleceu no km 30 da Rodovia PA-275, no final da década de 70, na expectativa de conseguir trabalho, seja nas obras de construção da Estrada de Ferro Carajás-Ponta da Madeira ou em busca de ouro nos pequenos garimpos que proliferavam na região.

Com a descoberta de ouro em Serra Pelada, no início dos anos 80, Curionópolis consolidou-se como núcleo de apoio a essa atividade extrativa e como local de residência de mulheres e filhos dos garimpeiros, uma vez que naquela época eram impedidos de ingressar em Serra Pelada.

Como núcleo de apoio a essa atividade mineradora, Curionópolis desenvolveu um comércio diversificado e um setor de serviços bem equipado: hotéis, pensões, bares, lanchonetes, boites e outros.

Essa gama de oportunidades e serviços oferecidos, contribuiu para a consolidação de Curionópolis como povoação, mesmo depois que o ouro do garimpo de Serra Pelada escasseou. Através da Lei Estadual nº 5.444, sancionada pelo então governador Dr. Hélio da Mota Gueiros, de 10 de maio de 1988, o povoado de Curionópolis foi elevado à condição de Município.

Sua instalação ocorreu no dia 1º de janeiro de 1989, com a posse do Prefeito Salatiel Almeida, eleito no Pleito Municipal de 15 de novembro de 1988. Em 1991, o município de Curionópolis teve seu território desmembrado para dar origem ao município de Eldorado do Carajás.

O nome Curionópolis foi escolhido em homenagem ao "Major Curió", que exerceu grande autoridade e liderança sobre os garimpeiros, no período de 1981-82, quando era coordenador do garimpo de Serra Pelada. O Município é constituído somente do distrito-sede.

CULTURA

No mês de maio, a população de Curionópolis homenageia a santa padroeira do Município, Nossa Senhora de Fátima. Anteriormente, no dia 30 de março, acontece uma procissão que sai de Eldorado do Carajás com destino à sede do município de Curionópolis, num percurso de 20 km, em homenagem à freira Adelaide, assassinada por um pistoleiro no Km-2 da Rodovia PA-275, naquela localidade. O conjunto de equipamentos culturais existentes no Município é composto por dois cinemas, uma livraria e um jornal.

ASPECTOS FÍSICO-TERRITORIAIS

LOCALIZAÇÃO

O município de Curionópolis pertence à mesorregião Sudeste Paraense e a microrregião de Parauapebas. A sede municipal tem as seguintes coordenadas geográficas: 06º 06' 18" de latitude Sul e 49º 36' 24" de longitude a Oeste de Greenwich.

LIMITES

Ao Norte - Município de Marabá A Leste - Município de Eldorado do Carajás Ao Sul - Municípios de Xinguara e Sapucaia A Oeste - Municípios de Parauapebas e Canaã dos Carajás SOLOS Os solos do Município apresentam variações em relação à sua litologia. Predominam os solos Podzólico Vermelho-Amarelo, textura argilosa cascalhento, Litóficos Distróficos, textura indiscriminada; Cambissolo Distrófico, textura indiscriminada; Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico, textura indiscriminada. Ocorrem, ainda, solos Litólicos Distróficos, textura indiscriminada, e afloramentos rochosos, em associações.

VEGETAÇÃO

A vegetação do Município está representada, principalmente, pela Floresta Equatorial Latifoliada, com variações que favorecem o aparecimento dos subtipos: Floresta Densa Submontana em relevo aplainado e em relevo acidentado e Floresta Aberta Latifoliada. Nas áreas desmatadas, foram plantadas pastagens destinadas à atividade pecuária. Ao longo das margens dos rios e igarapés, encontram-se pequenas faixas de Floresta de Galeria.

PATRIMÔNIO NATURAL

A alteração da cobertura vegetal de Curionópolis está incluída na do município de Marabá (19,00%), pois ainda pertencia ainda a ele, quando do levantamento, em 1986, das imagens LANDSAT-TM, utilizadas para esse cálculo. Importantes tributários do rio Itacaiúnas, como os rios Vermelho e Sororó, cortam esse município, assim como nele estão presentes partes das Serras Estrela e Boqueirão, ainda com belezas naturais.

TOPOGRAFIA

A área do Município apresenta desníveis topográficos, oriundos do contraste entre AS áreas baixas das várzeas e dos terraços dos rios com áreas mais elevadas de colinas, tendo estes níveis altimétricos uma variação que vai de 60 a 200 metros. O destaque é para a Serra do Buriti, onde se encontra elevações da ordem de 750 metros.

GEOLOGIA E RELEVO

O Município apresenta formações rochosas de idade Pré-cambriana, caracterizadas pelas seguintes unidades litoestratigráficas seguintes: Complexo Xingu, de natureza granito-gnaíssicamigmática; Grupo Tocantins, de natureza metassedimentar, com vulcanismo subordinado; Grupo Grão-Pará natureza vulcano-sedimentar tipo greenstone belts; e Formação Rio Fresco, de natureza predominante sedimentar. Acompanhando AS litologias, o relevo mostra-se relativamente movimentado, diversificado, com áreas serranas, colinosas, tabulares, baixos terraços e várzeas, destacando-se nas primeiras AS Serras do Sereno, Leste e do Rabo, pertencentes ao Complexo Serrano dos Carajás. Regionalmente, essas formas de relevo estão inseridas em duas unidades morfoestruturais denominadas de Depressão Periférica do Sul do Pará e de Planalto Dissecado do Sul do Pará.

HIDROGRAFIA

Os principais rios do Município são os rios Vermelho e o Sororó, que o atravessam seu território NO sentidoSul/Norte. O rio Vermelho tem como afluentes, pela margem esquerda, os igarapés Nova Descoberta, Refúgio, Jacú, Caical e Júlio, além do rio Sereno, que faz limite com Marabá, ao Norte; pela margem direita, seus afluentes são os igarapés Tajoba, Peruano e Grotão do Deserto, além do rio Cardoso. Já o rio Sororó tem, pela margem esquerda, os igarapés São Domingos e da Anta; pela margem direita, o rio Sorozinho, que serve de limite Nordeste com o município de Marabá.

CLIMA

O clima de Curionópolis insere-se na categoria equatorial super-úmido, tipo Am, da classificação de Köppen, NO limite de transição para o tipo Aw. Possui AS seguintes características: temperaturas anuais de 26,3ºC, apresentando a média máxima em torno de 32,0ºC e mínima de 22,7ºC; umidade relativa elevada, apresentando oscilações entre AS estações mais chuvosas e mais seca, que vão de 90% a 52%, sendo a média REAL de 78%; o período chuvoso ocorre, notadamente, de novembro a maio, e o mais seco, de junho a outubro, estando o índice pluviométrico anual em torno de 2.000 mm anuais.

» Conheça Também

Thumb2

Turismo

Pontos turísticos de Belém

Complexo Feliz Luzitânia  

O complexo turístico, localizado na região portuária de Belém, com construções que datam do período colonial,retrata a história da cidade. Abriga museus, restaurantes e oferece......

Leia Mais

Thumb2

Animais

Tatu-Canastra

Nome comum: Tatu-canastra, Tatu-açu, Tatu-carreta

Nome científico: Priodontes giganteus

Classe: Mammalia

Ordem:......

Leia Mais