Jorge Tufic

Thumb
Jorge Tufic, poeta e ensaísta, nasceu no município de Sena Madureira, Acre, no dia 13 de agosto de 1930. Descendente de uma família de comerciantes árabes, seu pai desenvolveu suas atividades comerciais nos seringais.

Com o declínio da produção de borracha, transferiu-se, no início da década de 40, para Manaus, onde realizou seus primeiros estudos. Exerceu, durante boa parte de sua vida, a atividade de jornalista.

Com a aposentadoria, afastou-se do funcionalismo público. A partir do início da década de 90, fixou-se em Fortaleza, dedicando-se exclusivamente à literatura. Tufic colabora com o jornal O Povo.

Um dos poetas mais expressivos da moderna literatura amazonense, sua estréia literária aconteceu em 1956, com a publicação de Varanda de Pássaros. O discurso poético de Jorge Tufic se desenrola por um lado, por forte conteúdo existencial.

A outra margem do discurso poético de Tufic se fundamenta nas preocupações formais e no caráter experimental de seu processo de criação.

Sua produção literária é uma evidência de sua identificação com o universo regional, seu esforço em criar uma obra identificada com os mitos, anseios e esperanças do homem da Amazônia.

OBRAS: Poesia: Varanda de pássaros, 1956; Pequena antologia madrugada, 1958; Chão sem mácula, 1966; Faturação do ócio, 1974; Cordelim de alfarrábios, 1979; Os mitos da criação e outros poemas, 1980; Sagapanema, 1981; Oficina de textos, 1982; Poesia reunida, 1987; Retrato da mãe, 1995; Boléka, a onça invisível do universo, 1995. Conto: O outro lado do rio das lágrimas, 1976. Ensaio: Existe uma literatura amazonense, 1982; Roteiro da literatura amazonense, 1983. Crônica: Tio José, 1976. Memória: A casa do tempo, 1987.

» Conheça Também

Thumb2

Cidades

Avenida Eduardo Ribeiro - Manaus

A Avenida Eduardo Ribeiro, no centro de Manaus, além de centenária, concentra grande parte da circulação de pessoas da cidade, por ser uma das ruas que mais agrega lojas comerciais no centro da......

Leia Mais

Thumb2

Geografia

Maiores rios brasileiros em vazão (m³/s)

O Brasil possui a maior reserva de água doce do planeta. Veja abaixo as maiores vazões de seus rios:


1°) Rio Amazonas (Bacia Amazônica) - 209.000;

2°) Rio Solimões (Bacia Amazônica) - 103.000;

3°) Rio Madeira (Bacia......

Leia Mais