Fonte Boa, município do Amazonas

Thumb
Fonte Boa é um município do Estado do Amazonas. Confira dados gerais sobre a cidade:

Dados gerais


Área Territorial: 11.748 Km² Temperatura Média: 25,9º C Acesso: Via Fluvial e aérea Distância em relação a Manaus: ? Em linha reta entre Fonte Boa e a Capital do Estado, 665 Km. ?

Por via fluvial entre Fonte Boa e a Capital do Estado, 1.011 milhas.

Aspectos Históricos

Taracoatéua ou Taracuariba, aldeia dos índios Omáguas, foi o primeiro núcleo de povoamento da atual cidade de Fonte Boa. Nessa aldeia nos fins do século XVII o jesuíta Samuel Fritz, fundou a missão religiosa denominada Nossa Senhora de Guadalupe.Poucos anos após a fundação da missão, fora a aldeia destruída pelos espanhóis e restaurada mais tarde pelos portugueses.Em 1759, a aldeia de Taracoatéua ou Taracuariba, foi elevada à categoria de Lugar, com a denominação de Fonte Boa.

Leis de criação

Em 06.11.1858, pela Lei Provincial nº 92, foi criada a freguesia com a denominação de Fonte Boa, antiga circunscrição territorial equivalente a distrito. Em 22.04.1873, pela Lei Provincial nº 251, é transferida para Barreiras de Fonte Boa, com sede de freguesia. Em 23.03.1891, pelo Decreto-Lei Estadual nº 92, que elevou Fonte Boa à categoria de Vila. Em 02.10.1928, pela Lei Estadual nº 1.397, é criada a comarca. Em 01.01.1929, foi instalada a comarca. Em 31.03.1938, pelo Decreto-Lei Estadual nº 68, a sede do município é elevada à categoria de Cidade. Em 31.03.1938, pelo Decreto-Lei Estadual nº 69, a comarca do Alto Solimões passou a denominar-se comarca de Fonte Boa, compreendendo os termos de Fonte Boa, São Paulo de Olivença e Benjamim Constant. Em 24.12.1952, pela Lei Estadual nº 226, a comarca de Fonte Boa perde os termos judiciários de São Paulo de Olivença e Benjamim Constant. Em 19.12.1955, pela Lei Estadual nº 96, é desmembrado o território que passa a constituir o município autônomo de Jutaí. Em 10.12.1981, pela Emenda Constitucional nº 12, ocorre outro desmembramento, desta vez em favor do novo município de Amaturá.

Limites:

Município de Uarini ? Município de Juruá ? Município de Jutaí ? Município de Tonantins ? Município de Japurá ? Município de Maraã Localização: 2º Sub-Região ? Região do Triângulo Jutaí ? Solimões - Juruá

Atividades Econômicas

Setor Primário - Agricultura: destacando-se na agricultura a exploração e plantio da mandioca como principal produto agrícola, milho e arroz; e hortaliças como: tomate, pepino, quiabo, couve, alface e cebolinha. - Pecuária: encontra-se em franco desenvolvimento, destacando-se a criação de bovinos e suínos, com produção de carne para o consumo local. - Pesca: o pescado de escama há em abundância. A Prefeitura Municipal através da Secretaria de Produção e Abastecimento fornece gelo para os pescadores artesanais. Estes pescadores estão organizados formalmente em associação (Associação Profissional dos Pescadores do Município de Fonte Boa). - Avicultura: desenvolvida em termos domésticos para o consumo familiar, sem muita representatividade econômica. - Extrativismo Vegetal: baseado na exploração de madeira e borracha. - Horticultura: é realizado pelas famílias rurais, com destaque para as comunidades de Ponta da Ilha, Paraná do Tupé, e a sede do município, oferecendo apenas para o consumo local, tomate, pimentão, pepino, maxixe, feijão de corda, abóbora, couve, alface, cebolinha, coentro, cariru, chicória e quiabo. ?

Setor Secundário
- Indústrias: olarias, serrarias, movelarias, fábrica de gelo, frigoríficos de pescado e padarias. ?

Setor Terciário
- Comércio: atacadista e varejista. - Serviços: agências bancárias, hotéis e pensões.

Eventos :

Semana do Município - Aniversário de Fonte Boa (26 à 31 de março) ? Festival Estudantil da Canção (18 de maio) ? Festival Folclórico de Fonte Boa (26 à 30 de junho) ? Festival da Canção Fonteboense (13 à 15 de julho)


Riquezas do município ?

As principais riquezas naturais são constituídas por sua fauna e flora, notadamente a primeira que é muito importante, destacando-se entre as várias espécies a seringueira e a madeira de boas qualidades como : aguano e cedro. Na segunda são dignas das dimensões várias espécies de peixes como: pirarucu, tambaqui, quelônio e outros aquáticos como o jacaré.

Atrações Turísticas ?

Podemos mencionar como uma atração turística o majestoso rio Solimões com suas águas bastante barrentas e iodosas, como também os fenômenos das terras caídas, que são os desmoronamentos provocados pelas impetuosas enchentes. É nessa ocasião que, as águas pela força de suas correntezas solapam as ribanceiras argilosas, que molhadas escorregam em grandes extensões levando florestas marginais que desaparecem tragadas no seio profundo das águas lamacentas.

Folclore ? Realizam-se no município as festas de: - Nossa Senhora do Guadalupe (Padroeira da cidade, no mês de dezembro) - Nossa Senhora das Dores - Nossa Senhora de Lurdes - Divino Espírito Santo - São Sebastião - Boi-Bumbá (agosto) - Quadrilha (agosto) - Dança do Barqueiro (agosto) - Dança do Gambá (agosto) - Dança dos Pássaros (agosto) -

Festa do Pirarucu

Festa do Pirarucu em Fonte Boa (AM)


A festa do Pirarucu, se realiza no ultimo dia de Novembro até o dia 03 de dezembro, quando se inicia os Festejos da padroeira N.S. de Guadalupe que termina no dia 12. A Festa do Pirarucu surgiu em consequëncia do município de Fonte Boa ser o maior produtos de pirarucu do Amazonas e do Brasil. A atividade é controlado pelo IDSFB (Instituto de Desenvolvimento Sustentável de Fonte Boa). No município há uma estimativa de captura de 25 mil peixes adultos, o que significa mil toneladas do produto. A pesca envolve 84 comunidades, 720 pescadores,520 famílias e 350 lagos

Como chegar

Vôos semanais: Cia áea TRIP ( Quarta-feira e domingo) Barcos: Passam na cidade todos os barcos que fazem linha Manaus-Tabatinga. Saem diretamente para a cidade os barcos "Cidade de Jerusalém e Vitória da Conquista". Também há a linha de um barco à jato que sai de Manaus às terças-feiras e retorna na madrugada de sábado.


 

» Conheça Também

Thumb2

Museus

Museus de Belém - Pará

Museu de Arte de Belém

O Palácio Antônio Lemos foi construído no Século XIX para ser a sede do poder municipal. Ao longo de seus 117 anos de existência abrigou o Tribunal de Relação, a Junta Comercial, o Conselho......

Leia Mais

Thumb2

Turismo

Praias do Estado do Pará

Belém é o ponto de partida para os turistas conhecerem a Costa Atlântica. Na Zona do Salgado encontramos belas praias oceânicas, como as de Salinas, Marudá e Algodoal ou ainda Ajuruteua, em Bragança. Todas elas têm acesso fácil, graças a......

Leia Mais