Portal Amazônia » Notícias » Matéria

atualidades

27/10/2012 às 21:55 Jacqueline Nascimento - jornalismo@portalamazonia.com

Superação na Corrida de Revezamento Endurance Manaus

O competidor já participou de 21 corridas, sendo duas maratonas (Maratonas Internacionais de Porto Alegre e de Santa Catarina).

O servidor chegou a pesar 120kg o que acarretou sérios problemas de saúde. Foto: Arquivo Pessoal

MANAUS -  Exemplo de força e superação, essa é a vida do servidor de Justiça, Fernando Todeschini, que participa das quatro horas seguidas da Corrida de Revezamento Endurance Manaus. O evento acontece hoje (27) na Vila Olímpica de Manaus. O competidor já participou de 21 corridas, sendo duas maratonas (Maratonas Internacionais de Porto Alegre e de Santa Catarina).

Fernando começou a realizar caminhadas há cinco anos com o intuito de emagrecer e ter mais saúde. “ Um dia fui na Vila Olímpica e vi uns atletas treinando na pista e achei aquilo muito bonito. Resolvi experimentar a corrida. No início não aguentava fazer 400m, hoje corro maratonas”, brinca.

O servidor chegou a pesar 120kg o que acarretou sérios problemas de saúde. “Depois de problemas sérios de saúde (enfrentei um câncer, três tromboses profundas na perna e a obesidade que trazia com ela a hipertensão) foi um impulso para correr  e buscar uma vida mais saudável”, relembra.

O corredor enfatiza que é preciso orientação profissional antes de iniciar qualquer atividade física. “Não seja um aventureiro. Eu sempre tive acompanhamento profissional. Nunca tive lesões sérias, apenas uma tendinite no ombro direito”, lembra.

Para correr as quatro horas da Endurance Manaus, Fernando disse que o desafio é proposto pelo prof. Erivelton Almeida. “Ele é meu grande amigo, instrutor e motivador. E eu, que adoro correr longas distâncias, topei na hora”, lembra.

Próximos desafios

Este ano o servidor ainda vai participar de mais uma maratona, a de Curitiba, que será realizada no dia 18 de novembro. “O meu objetivo para o próximo ano é acabar a Maratona de Porto Alegre abaixo das 3h (sub3, no jargão do “corridês”), pois conclui a Maratona de Porto Alegre deste ano em 3h46, ficando em 100 lugar e de Sta. Catarina em 3h27, ficando em 16º lugar”, avalia. Ele ainda lembra que outro objetivo é fazer a primeira Ultramaratona, que são 24h de corrida de Campinas, SP. Normalmente realizada em novembro.

Todeschini afirma que é preciso treino, treino e mais treino. “Corro todo dia e faço musculação duas vezes por semana, sempre com acompanhamento médico, nutricional e de um profissional de Educação Física”, enfatiza.

Para o competidor a participação em provas de rua é motivadora ” Ver aquelas milhares de pessoas, os grupos de corrida, o clima que cerca é simplesmente fantástico. Não tem como não se apaixonar pelo esporte”, Todeschini motiva aos novos ingressos em corrida. ” É claro que indico a participação em provas de corrida de rua, vai servir de grande motivação”.

TAGS

COMENTÁRIOS